June 19, 2024

Montenegro esta condenado…

Mar 29, 2024 Hits:1574 Opinião

IMPORTANTE: COMEÇAR BEM

Mar 26, 2024 Hits:767 Opinião

SECÇÃO DO PSD-BRUXELAS …

Mar 18, 2024 Hits:1401 Opinião

Touradas: prática cultur…

Mar 16, 2024 Hits:1012 Opinião

Chega Triunfa no Algarve:…

Mar 12, 2024 Hits:2773 Opinião

Mulher, a seiva da vida

Mar 05, 2024 Hits:403 Crónicas

Delenda Moscua

Mar 04, 2024 Hits:593 Opinião

PROMESSAS ELEITORAIS

Mar 01, 2024 Hits:599 Opinião

CANDIDATOS DO PS NA FEIRA…

Feb 29, 2024 Hits:1583 Opinião

UE/África: Portugal tem "ensinamentos" a dar sobre mobilidade e segurança - Santos Silva



Esta publicação é da responsabilidade exclusiva do seu autor!


“Portugal não só é um contribuinte evidente para este esforço de cooperação entre Europa e África, como o faz de uma forma que, do nosso ponto de vista, contém ensinamentos para todos”, disse Augusto Santos Silva em declarações à Lusa por telefone, a propósito da cimeira União Europeia-União Africana, que decorre entre quinta e sexta-feira em Bruxelas.

O governante sublinhou que o primeiro-ministro, António Costa, que presidirá à delegação portuguesa na cimeira, assegurará uma das copresidências da mesa-redonda sobre educação, migrações e mobilidade e também intervirá na mesa-redonda sobre questões de paz e segurança.

A escolha destes dois enfoques, explicou, tem a ver com os temas em que Portugal mais pode contribuir.

No caso das migrações, lembrou, Portugal assinou em 2021 o acordo sobre mobilidade entre os Estados-membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), que já se encontra em vigor desde o início do ano e envolve os seis países africanos de língua oficial portuguesa – Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique e São Tomé e Príncipe.

“Esse acordo de mobilidade facilita imenso a circulação das pessoas entre estes países para efeitos de estudo, de ensino ou de trabalho e, portanto, é uma maneira de um país europeu e vários países africanos cooperarem entre si para facilitar a mobilidade legal segura e ordenada entre o espaço europeu e o espaço africano”, sublinhou.

E lembrou que desta mobilidade “há de resultar mais emprego, mais trabalhadores para a economia, mais qualificação de recursos humanos, portanto, melhor dotação em capital humano”.

Recordando ainda o acordo bilateral com Marrocos para a mobilidade laboral, assinado em 12 de janeiro pelos governos de Lisboa e Rabat, Santos Silva disse que ambos são exemplos de como avançar “na gestão da mobilidade de forma a que ela seja útil para todos, que respeite os direitos de todos e para que se faça de forma segura e não seja pretexto para redes de tráfico, de contrabando, de exploração de pessoas, que (…) são das mais cruéis que o mundo conhece”.

Já sobre as questões da paz e segurança, Santos Silva lembrou o “grande protagonismo de Portugal” no acordo alcançado com Moçambique, no ano passado, sobre o apoio europeu em matéria de formação e treino militar no combate ao terrorismo.

“Sob a presidência portuguesa da União Europeia, a UE soube ouvir as necessidades e os objetivos de Moçambique, soube acordar com Moçambique um programa específico de apoio à formação de forças especiais moçambicanas no combate ao terrorismo, soube acrescentar a esse apoio específico em matéria militar o reforço da ação humanitária e da cooperação para o desenvolvimento”, afirmou.

E concluiu que esse esforço de Lisboa “produziu resultados”, visto que a situação de segurança que hoje se vive em Cabo Delgado “é completamente diferente, para melhor, da situação de segurança que se vivia, por exemplo, em 2019”.

Os chefes de Estado e de Governo da União Europeia e da União Africana reúnem-se entre quinta e sexta-feira em Bruxelas para a sua sexta cimeira, quatro anos e meio após a última devido a adiamentos provocados pela pandemia de covid-19.

Luso.eu - Jornal das comunidades
Redacção
Author: RedacçãoEmail: This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.
Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor
Lista dos seus últimos textos



Luso.eu | Jornal Notícias das Comunidades


A sua generosidade permite a publicação diária de notícias, artigos de opinião, crónicas e informação do interesse das comunidades portuguesas.


A SUA PUBLICIDADE AQUI?

A nossa newsletter

Jornal das Comunidades

Não perca as promoções e novidades que reservamos para nossos fiéis assinantes.
O seu endereço de email é apenas utilizado para lhe enviar a nossa newsletter e informações sobre as nossas actividades. Você pode usar o link de cancelamento integrado em cada um de nossos e-mails a qualquer momento.

TEMOS NO SITE

We have 392 guests and no members online