July 19, 2024

Montenegro esta condenado…

Mar 29, 2024 Hits:1658 Opinião

IMPORTANTE: COMEÇAR BEM

Mar 26, 2024 Hits:838 Opinião

SECÇÃO DO PSD-BRUXELAS …

Mar 18, 2024 Hits:1428 Opinião

Touradas: prática cultur…

Mar 16, 2024 Hits:1060 Opinião

Chega Triunfa no Algarve:…

Mar 12, 2024 Hits:2802 Opinião

Mulher, a seiva da vida

Mar 05, 2024 Hits:417 Crónicas

Delenda Moscua

Mar 04, 2024 Hits:633 Opinião

PROMESSAS ELEITORAIS

Mar 01, 2024 Hits:628 Opinião

CANDIDATOS DO PS NA FEIRA…

Feb 29, 2024 Hits:1628 Opinião

SEM RESPOSTA DO GOVERNO DESDE 31 DE JANEIRO STCDE CONVOCA GREVES ENTRE 3 E 24 DE ABRIL



Esta publicação é da responsabilidade exclusiva do seu autor!


Após ter assumido compromissos e iniciado a negociação das tabelas salariais em 5 de dezembropassado, o governo deixou o STCDE sem respostas desde 31 de janeiro, o que contradiz o discurso público de diálogo e de concertação. 

Durante estes três meses, com exceção da portaria do Brasil, nenhum dos textos negociados e consensualizados (novo mecanismo de correção cambial que consagra as perdas acumuladas e tabelas remuneratórias para os trabalhadores do Camões no estrangeiro) foi publicado, o que não é aceitável.

Mesmo sabendo que o processo negocial não se esgota num mês, dada a sua complexidade que se prende com o número de tabelas salariais em discussão, não é admissível o Governo não dar resposta durante mais de 6 semanas, deixando os trabalhadores no estrangeiro numa situaçãode precariedade agravada. 

O bloqueio neste processo negocial é uma surpresa, já que existe acordo relativamente à esmagadora maioria dos países. 

Todas as restantes questões, como por exemplo a regularização das situações de ausência de proteção social, foram remetidas para uma fase posterior, como se a proteção social fosse negociável e o Estado não tivesse a obrigação de cumprir o que exige de todos!

Assim, o STCDE decidiu convocar uma greve para os dias 3, 4, 5, 6, 10, 11, 12, 13, 17, 18, 19, 20 e 24 de abril de 2023 nos postos consulares, missões diplomáticas e centros culturais do Camões no estrangeiro.

Promoverá igualmente uma manifestação em frente do Ministério dos Negócios Estrangeiros dos trabalhadores “invisíveis” da Administração Pública portuguesa no estrangeiro em 25 de abril de 2023, dia aniversário dos 49 anos de democracia em Portugal.

O STCDE lamenta profundamente os constrangimentos causados às comunidades portuguesasno estrangeiro, no período pascal, mas o diálogo mostrou os seus limites, face à ausência de resposta do Governo.

Luso.eu - Jornal das comunidades
Redacção
Author: RedacçãoEmail: This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.
Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor
Lista dos seus últimos textos



Luso.eu | Jornal Notícias das Comunidades


A sua generosidade permite a publicação diária de notícias, artigos de opinião, crónicas e informação do interesse das comunidades portuguesas.


A SUA PUBLICIDADE AQUI?

A nossa newsletter

Jornal das Comunidades

Não perca as promoções e novidades que reservamos para nossos fiéis assinantes.
O seu endereço de email é apenas utilizado para lhe enviar a nossa newsletter e informações sobre as nossas actividades. Você pode usar o link de cancelamento integrado em cada um de nossos e-mails a qualquer momento.

TEMOS NO SITE

We have 194 guests and no members online